Sexta-feira, 17 de Janeiro de 2014

RESCALDO DA PASSAGEM DE ANO

Queridos amigos

Depois de um ano tenebroso, por culpa dos ladrões que temos a governar este nosso lindo país, que não tem culpa de quem nós pomos a dirigi-lo, lá chegou o dia da viragem para o novo ano!

Ufa! Já não era sem tempo! A passagem de ano, é algo que, para mim, tem de ser esfusiante, tem de ter paletes de gente ao redor, alegria, espectáculo, música e claro  bolo rei, champanhe e passas, porque a passagem de ano, jantando em casa e esperando ver na tv as 12 badaladas com os pézitos debaixo da mesa, já era! Nem morta! Fiz uma vez e jurei a mim mesma que enquanto  me conseguisse  mexer, para  

me deslocar, havia de o festejar fora de casa!  

 

                                           

 

O local eleito, desde há alguns anos, fazemos questão que seja na quinta da Malafaia, além de um soberbo jantar à discrição, com entrada de mariscos diversos, apresenta uma panóplia de  vários estilos musicais, shows de bailarinas, luz, fogo de artifício, balões, côr e gente, muita gente alegre, que junta, saúda a entrada do novo ano, de corneta na boca, apitando com quanta força tem, mastigando as 12 passas e bebendo, bendendo tudo o que se apanha pela frente, pois as bebidas são na medida do que cada um conseguir aguentar...

É emocionante, ver aquela amálgama de gente,  em cima dos bancos, atirando serpentinas para as outras mesas vizinhas, fazendo votos de sáude, felicidade e amor e desejando que o novo ano não traga mais do mesmo, lá bem no fundo, fazemos votos para que a corja que está no governo, caia de vez!

Lá pelas 2.00h da manhã, chega a altura de ir ao caldinho verde, às pataniscas, aos bolinhos de bacalhau, às moelinhas, aos pratinhos de rojões, e claro, tudo isto,  regadinho com champarrion um misto de sangria feita com champanhe e frutas, que é para acabar de entortar os que ainda se conseguem manter erectos!

Saiem então, para a sala desfilando, os arcos e os balões acesos, semelhantes aos das marchas populares, com motivos de manjericos e cravos. São transportados por todos os que os querem fazer deambular às voltas pelas salas, enquanto se  batem palmas e se cantam as modas das marchas de Lisboa.

  a Mariana dançando

A cada ano que passa, esmeram-se mais na decoração das salas, este ano optaram pela côr  azul e amarelo torrado nas toalhas de mesa, bem como um candeeiro de tecido branco pregueado que dava uma luz  velada em  cima de cada mesa, um requinte!

Nas pistas de dança....dançava-se, saltava-se, conforme o requisitava  a música com que o conjunto residente da Malafaia, nos brindava....

As vestes exíguas das bailarinas, elegantíssimas, faziam as delicias dos que, não querendo dançar, ficavam pasmados, de olhos esbugalhados, quietinhos, apreciando! 

Depois do fogo de artifício, saudando o novo ano, começou lentamente a debandar a leva dos que já mal se tinham em pé, quer de sono, quer de atestamento em demasia.....eram 4.00h da matina!

Nós, resistentes, lá dançávamos, aproveitando o balanço das notas instrumentais.....a banda do galo também se apresentou, bem como os gigantones e os cabeçudos...e não me posso esquecer dos bombos, únicos nesta zona do país.....enchem tudo!!!!

 os meus sobrinhos afilhados com uma gigantone!!

Comeu-se, dançou-se,desejou-se tudo, farrou-se até às tantas.......depois.......o espírito não cedeu....mas o corpo capitulou.......tivemos de meter a agulha direitos a casa porque a madrugada já ia avançada!

Vamos esperar que os votos que fizemos, se cumpram e aguardar pelas surpresas deste  jovem ano, a ver vamos como dizia o cego!

Calmamente, sem atropelos, vamos preparar-nos para a vinda do próximo ano!!!!

Saúde  e paz a todos os amigos!

Salvé 2014!!!!!  

      

 

publicado por tila às 22:17
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O Natal cá de casa

. Crónica de um dia de prai...

. COLAGEM EM TECIDO

. Palavras sábias do Papa F...

. CARNAVAL

. O direito á indignação

. CABO VERDE MI CRETCHEU!!

. DIA DOS NAMORADOS

. A Viragem de 2015 para 20...

. MOMENTOS NO PIÓDÃO...

.arquivos

. Dezembro 2019

. Julho 2019

. Fevereiro 2019

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Abril 2017

. Novembro 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub